Recarrega-te!

Quando o telemóvel está a ficar sem bateria ficamos aflitos e corremos para o recarregar, mas não temos o mesmo cuidado connosco. A maioria de nós dá pouco valor ao descanso. A longo prazo isso gera stress, fadiga, falta de concentração, problemas de saúde, etc..

Durante o dia faça pausas curtas

  • beba água e coma de forma consciente (ou mindful, como se diz agora)
  • faça uma pequena caminhada depois do almoço ou no final do dia de trabalho
  • pratique meditação diariamente
  • durma a sesta ou simplesmente feche os olhos durante alguns minutos
  • cultive o hábito da leitura, leia algumas páginas todos os dias

Durante a semana crie tempo para pausas mais longas

  • pratique Yoga ou outra actividade que goste (1 hora, 2 ou mais vezes por semana)
  • desligue o telemóvel/internet algumas horas por dia todos os dias
  • tenha um hobby, tire uma tarde ou um dia por semana para fazer o que mais gosta
  • faça caminhadas longas

Anúncios

Solstício de Verão

O dia 21 de Junho é o dia mais longo do ano no hemisfério norte e é também a data em que se celebra o dia internacional do Yoga. É o momento de celebrar a luz, a vida e a conexão com a natureza.

Com o ritmo acelerado das grandes cidades e a overdose diária de compromissos, o tempo torna-se escasso. Não há tempo para sentir, respirar, apreciar, silenciar,…

Por isso, praticar Yoga faz cada vez mais sentido. A tua prática é o teu momento, é o teu tempo de qualidade para te cuidares e despertares o que há de melhor em ti! O Yoga ajuda-nos a viver no momento presente, “no aqui e agora”. Com o Yoga aprendemos a apreciar mais, sentir mais, viver mais.

Desejamos um feliz dia internacional do Yoga a todos os praticantes! E que cada vez mais pessoas se juntem a nós e possam usufruir desta prática.

 

 

Quero mudar. Por onde devo começar?

Muitas pessoas iniciam a prática de Yoga no momento em que chegam a um ponto de ruptura nas suas vidas. Pode ser um divórcio, problemas no trabalho, stress, exaustão ou até uma doença grave.

Não há nada de errado nisso. Afinal chegar a um ponto de ruptura significa necessidade de mudar, de transformar algo que não está assim tão bem nas nossas vidas. E o Yoga pode ter papel fundamental nisso, já que o maior ensinamento desta filosofia de vida é a auto-observação.

Nas sociedades modernas somos ensinados a assumir inúmeras responsabilidades. Um adulto tem de gerir uma carreira profissional, a casa, os filhos, a logística da família, etc.. Mas ninguém nos ensina a assumir responsabilidade pela nossa saúde física e mental.

Existem algumas coisas simples e bem básicas que nos ajudam a estar bem física e mentalmente e que produzem um impacto enorme em tudo o resto!

  • Durma Bem – Um sono regenerador tem um grande impacto na nossa performance cognitiva e física e também na forma como nos alimentamos. Dormir pouco faz com que o cérebro pense que precisamos de mais energia e isso vai causar o aumento da ingestão calórica ao longo do dia e uma apetência maior por alimentos de pior qualidade e bebidas estimulantes. Além disso, dormir pouco deixa-nos menos criativos, mais stressados e com maior propensão para a irritabilidade.
  • Coma Bem – A alimentação tem um grande impacto nos nossos níveis de energia e claro na nossa saúde. A má alimentação é hoje em dia vista como causa de insucesso escolar, obesidade e doenças.
  • Beba água – Sabia que os  nossos músculos são 75% de água, o nosso sangue é 82% de água, os nossos pulmões são 90% de água e o nosso cérebro é 76% de água. Já imaginou o que a falta de água pode fazer ao seu corpo?
  • Mova o seu corpo – A Organização Mundial de Saúde considera que a falta de actividade física é o quarto factor de risco para a mortalidade global e este parece ter um efeito comparável ao tabagismo e à obesidade. Não pense apenas em ficar em forma ou em trabalhar o corpo para o verão. Lembre-se que a actividade física é uma das melhores formas de combater o stress e ajuda-o a sentir-se bem no seu corpo. Experimente o Yoga!

Da próxima vez que pensar “não sei o que fazer à minha vida”, faça uma análise a estes quatro tópicos. Estabeleça um plano para melhorar cada um deles. Vai ver que daqui a umas semanas a sua força e clareza mental serão outras e certamente estará capaz de gerir melhor as suas responsabilidades.

 

Conheces as tuas A.R.M.A.S?

Para ter sucesso, para gerir os desafios do dia-a-dia, para conquistar qualidade de vida, precisas de cuidar de ti! Já pensaste nas A.R.M.A.S que te deixam mais forte, saudável e enérgico? Sabias que várias delas podem ser trabalhadas dentro de uma prática de Yôga?

Boa ALIMENTAÇÃO para te sentires sempre com saúde e energia!
*
A RESPIRAÇÃO está intimamente ligada aos nossos estados emocionais. Algo tão simples como respirar correctamente pode fazer a diferença na tua produtividade diária.
*
No dia-a-dia, são centenas, as solicitações e as distracções, que te desviam das tuas acções e objectivos. Dificilmente podemos modificar esses aspectos que são externos, mas podemos aprender a conviver e contornar essas situações, o que resultará num melhor desempenho e resultados. Para isso existe a MEDITAÇÃO.
*
A ACTIVIDADE FÍSICA é importante na redução do stress, fortalece músculos, ossos e ligamentos, é uma aliada na manutenção do peso e ajuda a manter a boa disposição.
*
O SONO de qualidade é muito importante, é umas das necessidades mais básicas do ser humano. Além de recarregar nossas baterias, enquanto dormimos estamos a cuidar da nossa saúde física e mental, para estarmos preparados para o novo dia.

o

Os benefícios de uma boa postura

Uma boa postura é essencial para evitar as indesejadas dores nas costas, nos ombros e no pescoço e para prevenir doenças que podem ser desencadeadas por deformidades ou desvios na estrutura óssea. Mas, muito mais que isso, uma boa postura pode ter tudo a ver com ânimo e disposição, com um bom funcionamento dos órgãos e, ainda, com a autoestima.

 

Como o stress afecta o cérebro

O stress não é sempre uma coisa má; ele pode ser útil para uma explosão de energia extra e foco, como quando se está a praticar um desporto de alta competição ou quando se tem que falar em público. Mas quando é contínuo, ele realmente começa a mudar o seu cérebro. Madhumita Murgia mostra como o stress crónico pode afectar o tamanho do cérebro, a sua estrutura, e como ele funciona, até ao nível de seus genes.

Yôga & Qualidade de vida

A expressão “Qualidade de vida” está na ordem do dia e representa um desafio para muitos de nós.  A qualidade de vida engloba, saúde física, mental, espiritual, equilíbrio entre vida profissional e pessoal, boas relações humanas, alimentação, actividade física, educação etc.

Obter qualidade de vida pressupõe adoptar hábitos saudáveis tais como, cuidar da alimentação, praticar exercício físico, reservar tempo para cultura e lazer e também para os amigos e família, obter satisfação profissional etc..

Todos nós temos hábitos diários, alguns hábitos são bons e contribuem para a nossa qualidade de vida,e outros nem por isso.

Os nossos dias são agitados e super ocupados. Quantas vezes não chegamos ao final do dia com a sensação de que não o fizemos o melhor por nós?

Que tal fazer uma lista de pequenos hábitos que queres conquistar  e que te vão ajudar a melhorar a tua qualidade de vida?

1. Praticar Yôga
2. …..
3. …..
4. …..
5. ….

Yôga is...an everyday Practice to be your

Praticar Yôga pode contribuir e muito para a tua qualidade de vida.

  • O Yôga contribui para o bem estar emocional, pois ajuda-nos a aliviar a ansiedade e o stress, deixa-nos mais focados e isso reflecte-se positivamente em diversos outros aspectos do dia-a-dia, tais como família, trabalho e relações pessoais.
  • O Yôga trabalha intensamente o corpo, aumenta a força, a flexibilidade, rejuvenesce e deixa-nos em forma.
Casa do Yôga
Rua Bernardo Sequeira, 157  :: 4715-010 Braga
Telemóvel 938 321 482 ou 962 779 039
escola@yogabraga.com   ::  www.yogabraga.com
Horário para visita: segunda a sexta, das 11h às 13 e das 15h  às 20h