Em busca do auto conhecimento

Segundo Pátañjali, codificador do Yôga Clássico (também conhecido como Rája Yôga ou Ashthánga Yôga),  há três coisas que devem estar presentes no sádhana (prática) para se alcançar o auto-conhecimento:

Tapas (auto-superação): o praticante deve observar constante esforço sobre si mesmo no sentido de fazer melhor a cada dia.

Swádhyáya (auto-estudo): o yôgin deve buscar o auto-conhecimento através da observação de si mesmo.

Íshwara pranidhána (auto-entrega): o yôgin deve estar sempre interiormente seguro e confiante em que a vida segue o seu curso, obedecendo a leis naturais e que todo o esforço para a auto-superação deve ser conquistado sem ansiedade.

lotus

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.